Minoxidil – Saiba Mais Sobre Este Medicamento

0
577

Conhecido como uma das alternativas farmacológicas para o tratamento contra a queda de cabelo, o Minoxidil é uma loção tópica que, dependendo da situação de cada paciente, contribui para o processo de recuperação do cabelo, favorecendo também o seu crescimento.

Embora os especialistas ainda não conheçam o mecanismo que o faz atuar, afirmam que a aplicação de Minoxidil trabalha para estimular o crescimento dos folículos pilosos.

Trata-se de um vasodilatador que aumenta o fluxo sanguíneo.

Quem pode utilizar o Minoxidil?

Minoxidil

O Minoxidil é recomendado para pacientes a quem tenha sido diagnosticada Alopecia Androgênica, Alopecia Areata e em alguns problemas capilares, pelo que se deve sempre consultar um médico para saber qual a quantidade de gotas a serem administradas.

Não pode ser utilizado em pessoas com hipertensão, problemas cardíacos e se padecerem de outras doenças do couro cabeludo, como irritações.

 

Como usar o Minoxidil?

Recomenda-se aplicar a loção diretamente sobre as áreas afetadas do couro cabeludo, uma ou duas vezes ao dia, no couro cabeludo seco, deixando passar 8 horas entre cada aplicação. 35% do produto absorvido são eliminados pelos rins 4 dias depois da sua utilização. A concentração varia entre 3% e 5%.

Em quando tempo vou sentir os resultados?

Dependendo do estado de Alopecia em que o paciente se encontra e o uso combinado de Minoxidil com outros medicamentos, começará a ver resultados 3 meses após ter iniciado a sua aplicação.

Recomenda-se a sua utilização durante 2 anos, fazendo uma paragem de 3 meses.

Aplica-se durante mais 20 meses, seguindo-se uma nova paragem e assim por diante. Em todo o caso, a aplicação não deve ser interrompida abruptamente, uma vez que pode ocorrer um efeito ricochete, fazendo com que possa voltar a perder cabelo.

Sou mulher, posso usar o Minoxidil?

Sim, o Minoxidil funciona perfeitamente em homens e mulheres. Porém, não deixe de conferir mais abaixo o texto referente ao seus possíveis efeitos colaterais em mulheres.

Quem não pode usar Minoxidil?

O composto não deverá ser utilizado nas seguintes situações:

  • Se a perda capilar ocorrer de maneira repentina ou irregular;
  • Se a razão da queda de cabelo for desconhecida;
  • Se o couro cabeludo estiver vermelho, irritado, infeccionado ou dolorido;
  • Se o couro cabeludo já estiver sendo previamente tratado com outras soluções tópicas;
  • Em bebês ou crianças;
  • Durante períodos de gestaçãoou amamentação.

Caso o paciente apresente problemas cardíacos, ele deverá consultar um dermatologista a fim de verificar se o Minoxidil poderá ser utilizado, pois a automedicação nestas circunstâncias poderá ser perigosa.

Quando deverei suspender o uso de Minoxidil?

O paciente deverá suspender imediatamente o uso do Minoxidil, além de consultar um dermatologista, se surgirem alguns dos seguintes efeitos colaterais:

  • Dor peitoral;
  • Aceleração dos batimentos cardíacos;
  • Tonturas ou desmaios;
  • Ganho súbito de massa corporal;
  • Inchaço nas mãos e pernas;
  • Irritação ou vermelhidão no couro cabeludo;
  • Crescimento de pelos indesejáveis no rosto ou em outras partes do corpo.

Caso o indivíduo também não perceba crescimento de cabelo após utilizar o Minoxidil durante quatro meses contínuos, o uso do composto deve igualmente ser descontinuado.

Efeitos colaterais do Minoxidil

É fato que o Minoxidil pode trazer bons resultados no combate às calvícies masculina e feminina. Porém, apesar de ser usado por milhares de pessoas em todo o mundo, muitos indivíduos têm receio de utilizá-lo, principalmente devido aos efeitos indesejáveis que podem surgir em decorrência de seu uso.

Calma! Não se tratam de motivos de preocupação extrema. Mas, reações adversas podem ocorrer principalmente durante a fase inicial de uso da substância, ou seja, entre os primeiros dois a quatro meses. Estudos clínicos comprovaram que essas reações foram relatadas por apenas 2% das pessoas (dados mundiais) que fizeram uso do referido composto. Assim, pode-se afirmar que esses efeitos colaterais surgem muito raramente.

Os efeitos colaterais mais comuns advindos da utilização tópica de Minoxidil são coceira e irritação cutânea na área de aplicação da solução do composto. Caso essa irritação permaneça por um período superior a dois meses, recomenda-se suspender o uso do composto e procurar um dermatologista. Ademais, a solução tópica de Minoxidil 5% contém álcool, o que pode provocar irritação ou desconforto nos olhos. Assim, se acidentalmente o líquido escorrer sobre o globo ocular, deve-se lavá-lo com água fresca e corrente.

Para que o usuário se sinta mais seguro ao usar o Minoxidil, é altamente recomendado que ele consulte previamente um dermatologista.

Efeitos colaterais do Minoxidil em mulheres

Há um ponto importante com relação aos efeitos colaterais que o Minoxidil pode causar em mulheres. Elas não devem utilizar a solução tópica de Minoxidil 5%, uma vez que estudos clínicos indicam que essa versão não apresenta melhores resultados quando comparada à solução de Minoxidil 2%. Além disso, algumas mulheres podem desenvolver pelos faciais em razão do uso desse medicamento. No entanto, tratam-se de casos insólitos e reversíveis.

Como evitar os efeitos colaterais do Minoxidil

Para evitar reações adversas, como o surgimento de pelos indesejáveis nas mulheres, é aconselhável a adoção de alguns passos. Primeiramente, a aplicação da solução de Minoxidil deve ter como foco somente o couro cabeludo. Em seguida, após espalhar o produto com os dedos, deve-se lavar bem as mãos com água e sabão. Depois de aplicar a dose noturna, antes de dormir, deve-se reservar entre duas a quatro horas para que a solução seja adequadamente absorvida pelo couro cabeludo.

Onde comprar Minoxidil?

Minoxidil

Existem na Internet inúmeras empresas que vendem produtos para queda do cabelo, como o Minoxidil, de forma rápida e sem supervisão médica, por isso recomenda-se adquirir o produto sempre em centros especializados e reconhecidos, onde poderá ter um diagnóstico personalizado, para decidir se realmente se encontra em situações adequadas para ser tratado com o Minoxidil.

 

Compartilhe

Responder

Please enter your comment!
Please enter your name here

14 + cinco =